Rss Feed

Jogo de Sentimentos

Como a vida pode ser o enigma mais indecifrável de todos…
Nunca tinha pensado nisto, mas ela não é mais do que um período de tempo em que estamos acordados, e no qual fazemos todos os possíveis para sobreviver, aprender e ser felizes. Tudo se resume a uma história, grande ou pequena, determinada pelo tempo, que não passa de um jogo difícil de perceber. Mas acredito que, depois de percebido, é o jogo mais fantástico, e a história mais impressionante que alguma vez se vai poder contar.
Como tudo na vida, um momento é uma coisa pequena, quase parecendo insignificante. Mas os momentos que serão lembrados para sempre são momentos especiais, que significam mais para nós do que qualquer outra recordação. No entanto, não deixam de ser momentos, que vêm e vão com o vento, mas que permanecem para sempre nos nossos corações.
Há milhões de momentos diferentes, que despertam em nós diferentes emoções. Há dias em que só nos apetece chorar, mesmo quando nem nós próprios sabemos porquê; há dias em que estamos tão felizes que só nos apetece esboçar o maior sorriso do mundo, e nunca o abandonar. Há dias de tristeza, de diversão, de loucura, de emoção, de alegria, de raiva, de sorrisos, de brincadeiras, de vergonha… Há dias em que sonhamos, e há dias em que só nos lembramos de pesadelos. Há dias de felicidade, de amor, de carinho; há dias de insegurança, ódio e amargura… enfim, dias que nos fazem sonhar, acreditar, lutar, perder as esperanças e pensar no dia seguinte.
São tudo momentos que parecem não ter fim, sejam eles bons ou maus. Mas a vida é mesmo assim, cheia de altos e baixos, e, sobretudo, cheia de mistérios, começando logo pela própria vida. As perguntas instalam-se: Como é que vivemos? Porque é que estamos aqui? Receio que tudo permaneça um mistério para sempre.

2 comentários:

Anónimo disse...

Olá de novo.

Muito me admiro de não teres mais comentários...

Está um texto bem construído... e muito vivido.

É presente, real e acima de tudo deve ter tocado quem o escreveu e decididamente que toca quem o lê.

Muitos parabéns.

Kit4

ccal disse...

Raquel, descobri o teu blog porque digitei no google 'jogo de sentimentos'. Estava a pensar noutras coisas, na minha própria vida e nos momentos felizes que, por serem ilusões, antecedem os maus. O que acontece é que li todo o teu texto e soa-me tão familiar como se fosse um daqueles que eu também costumo escrever. Às vezes não sabemos bem qual é o caminho a seguir, ou, quando o sabemos, uns estão dispostos a lutar até ao fim, outros desistem ou vão caindo, não sobrevivem. Mas é importante que existam pessoas que se questionem sobre o significado da vida e a nossa própria utilidade. Às vezes, acredito que é mesmo tudo uma questão de sabermos jogar. Por exemplo, quando ele me olha nos olhos e sei que não significou nada para ele penso: quando o contar à minha melhor amiga, ela vai-lhe dar algum significado por mim. Pequenas coisas para agarrar a felicidade momentanea porque... depois de uma grande risada, normalmente vem uma grande crise de lágrimas.

Deves ser uma boa pessoa, ou pelo menos muito mais consciente que a maioria.

Felicidades, força para a vida.